FOTOGRAFIA DE LONGA EXPOSIÇÃO

Sempre que pensamos em fotografia, logo nos vem a imagem de uma cena estática, congelada. Quando fotografamos, eternizamos um momento, uma cena, uma paisagem e até mesmo um movimento. Mas, através de uma longa exposição, podemos passar e agregar a sensação de movimento, resultando em fotos bem mais criativas.
Quanto menor o tempo de exposição, mais rápido. Maior será a chance de congelar objetos em movimento.
Quanto maior o tempo de exposição, mais lento. Maior a chance de borrar o movimento ou ainda, de causar um tremido devido ao movimento da mão.
Recomendamos que usem um tripé para que as fotos não saiam tremidas, ok!

Como fazer:
Após priorizar a baixa velocidade (ex:1/10, 1/5,1/2 e 1 seg para fotos diurnas) em sua câmera em modo “M” ou “S”, o próximo passo é achar o equilíbrio entre ISO, abertura do diafragma e velocidade.

Para fotos noturnas, o ideal é usar velocidades como; 15, 20 ou 30 segundos em modo “M”, o efeito será ainda melhor!!

Fonte: Nikon Brasil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s